Fechar

Faça seu Login

Esqueci minha senha Cadastrar

Não tem conta?

Fechar

Esqueceu sua senha?

Digite seu e-mail abaixo! Enviaremos sua senha sem seu email. Importante verificar a caixa de spam.

Enviar

Siga-nos

Massagem Kalari

Massagem kalari

Podemos dizer que essa técnica de massagem representa a quintessência da arte do toque original. Encontramos aqui benefícios e conhecimentos valiosos para cada um de nós e ao próximo. No oriente antigo encontramos avançadas e poderosas formas de conhecimento para a área da saúde e desenvolvimento pessoal. Dentre elas, a massagem como fonte central. A massagem Kalari se encontra no meio de 2 tradições notáveis - Ayurveda e Siddha. Esses incríveis sistemas de medicina incluem diversos tipos de massagem, tratamentos e uso de medicamentos á base de ervas especialmente. A tradicional massagem kalari, nos dias de hoje é uma das mais populares dessas tradições. 

A massagem kalaria pode ser realizada com os pés e mãos. Nasce para o lutador de kalari, arte marcial indiana, antiga. O tratamento feito com os pés, com com que o massageador pratique sobre quem recebe, certos movimentos e posições de alongamento, enquanto faz a massagem com os pés. O trabalho é feito sobre o Nadis, que são canais energéticos do corpo, estimulando seu fluxo, fortalecendo a musculatura e dissolvendo contraturas. 

Origens

A massagem kalari é originária da antiga tradição Kalari, uma arte marcial indiana, certamente uma das mais antigas do planeta. Na massagem kalari, o corpo e a mente se exercitam como numa dança. Ela tem elementos da Yoga, medicina ayurvédica e dança indiana. Kalari significa (Treinamento para o campo de batalha). 

O Pai da tradição Siddha é Shiva, difundindo práticas da yoga, tantra e várias outras ciências e tradições, como a alquimia, arte do amor, guerra, etc. O kalari tem sua origem em Vasudeva, estado de Kerala, no sul da Índia. Diversas são as lendas sobre suas origens. Na mitologia indiana é falado que o sábio indiano Parasurana, seguindo ensimentos do Deus Shiva, criou essa disciplina. Na intenção de difundir a arte kalari, Parasurana cria 109 Kalaris em toda Kerala, decidindo assim difundir seus ensinamentos de geração para geração. Ligada á Yoga, era usada pelos guerreiros, porém ao mesmo tempo vinha como um método de cura para se alcançar um estado de bem estar e saúde, fortalecendo a musculatura e tonificando o corpo. A massagem kalari não é só uma técnica física, mas representa um lugar sagrada de retiro em sí próprio, onde o guerreiro comemora o (Puja), uma cerimônia de adoração, realizada entes de começar o combate. - massagem sensual - massagem erótica - massagem tântrica - massagistas sp - massagistas são paulo - portal das massagistas - 

Uma outra história fala que é um filho de Shiva, Kartikeya, que cria o conhecimento guerreiro de como atingir para curar ou matar, dependendo do caso. Através desse conhecimento se cria a tradição Kalaripayat. Nessa tradição é falado dos marmas e de que forma tocá-los. Antes de atingir o conhecimento profundo desses pontos o iniciado se aproxima da yoga e artes marciais, daí então, se aprofundando no percurso, ascende aos níveis mais sutís de como matar ou curar, graças aos conhecimentos secretos dos pontos vitais. A origem do Kalari é cheia de mistérios. Possivelmente faz parte da tradição Siddha de Kerala. Com encontros de etnias do norte e do sul, a massagem kelari dos marmas vem incorporada na tradição ayurvédica, se mantendo em duas vias paralelas, distintas e sinérgicas. 

Hoje em dia a tradição ayurvédica é bastante conhecida no mundo, no entando não se pode dizer o mesmo da tradição Siddha. Essa é um corpo de conhecimento distinto muito ligado ao tantra. Assim como a Ayurvédica é ligada aos vedas. No que diz respeita á tradição Siddha ainda, uma de suas principais características é a forma de preparação de seus complexos medicamentos, uma metodologia de processos alquímicos. Da mesma forma o conhecimento dos Nadis e pontos vitais, marmas, sendo incorporados naturalmente no conhecimento védico. O conhecimento dos pontos vitais gera grande interesse para a medicina atual, no entando podemos notar seus traços desde os textos cirúrgicos do (Susruta Samhita). Esses tratados dizem respeito á práticas cirúrgicas e conhecimentos de pontos anatômicos dos marmas, permitindo aos cirugiões anestesiar o paciente com pressão precisa sobre os pontos vitais inibindo o sistema nervoso. Nas operações cirúrgicas o conhecimento dos Nadis era super importante para fazer as incisões sem ferir linhas energéticas onde flui a prana (energia vital). - massagem sensual são paulo - guia das massagistas - massagem erótica - massagistas são paulo - portal das massagistas - massagista sp - 

Nesse contexto podemos afirmar que na Ayurveda, o conhecimento dos marmas está ligada aos fins cirúrgicos, mais que curativos por si só. Na Siddha, o conhecimentos desses pontos vitais e suas formas de massagem ganham um papel muito importante. Kalaripayat é a ciência do tantra e yoga e seu sistema médico vem da ciência da medicina ayurveda e siddha. A prática da Kalaripayat gera força física, flexibilidade, equilíbrio, além de controle do corpo, como também inúmeros benefícios mentais e emocionais, ampliando e potencializando capacidades psicofísicas, tornando mais profunda a consciência, meio de interação corpo e mente. 

Na verdade, praticante de Kalipayat são depositários da ciência dos marmas, com refinados mestres de massagem e manipulações do corpo com óleos especiais. Esperamos que tenham gostado! Não deixem também de ler nosso outro e super interessante artigo sobre - Massagem Bioenergética - https://massagistastop.com.br/artigo/577962978/massagem bioenergetica massagistastop.html